Marketing Cloud: 5 motivos para adotar a nuvem na sua estratégia de marketing

Marketing Cloud: 5 motivos para adotar a nuvem na sua estratégia de marketing

Estratégia traz vantagens competitivas para as companhias melhorarem a jornada do cliente.

 

Que a transformação digital precisa ser implementada por todas as companhias que desejam obter bons resultados e crescer em curto, médio e longo prazo, não há dúvidas. Para que essa transformação se torne real nas empresas, no entanto, é preciso conhecer os conceitos e as estratégias que fazem diferença para que diversas áreas da companhia consigam atuar de forma mais eficiente no século 21.

Uma das estratégias que mais têm se destacado é o uso do Marketing Cloud. Provavelmente, você não conheça esta estratégia de marketing pelo seu nome, no entanto, já deve ter utilizado algumas de suas experiências. Empresas como a Netflix, atuam com o Marketing Cloud a partir do momento em que armazenam os dados dos seus clientes em nuvem e conseguem promover experiências personalizadas para eles. 

 

“O Marketing Cloud é mais uma transformação digital, porque envolve o uso de computação em nuvem para processos de coleta, armazenagem de dados, assim como para traçar jornadas para clientes, estabelecer personalização e uma série de coisas. Nesse sentido, o Marketing Cloud fará uso da computação em nuvem não só para armazenar, mas para a gestão de informações de clientes, o que permite o acesso a uma infraestrutura via internet de qualquer local e integração desses dados a partir de diferentes canais de comunicação”, explica a professora Pollyana Notargiacomo, da Faculdade de Computação e Informática da Universidade Presbiteriana Mackenzie. 

 

“Então, uma solução de Marketing Cloud vai utilizar isso a partir de redes sociais, criação de e-mails marketing, tipos de dispositivos, tipos de sites e de blogs, e vai fazer uma conexão dessas fontes de informação que permite não só caracterizar de forma unificada o cliente, mas impulsionar novos segmentos para um determinado público por meio do uso de ferramentas de Inteligência Artificial (IA)”, complementa.

 

Marketing Cloud: 5 motivos para adotar

 

1- Auxilia na segurança de dados dos clientes

Com a entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), se torna cada vez mais necessário garantir a segurança dos dados dos clientes. Com a utilização de uma plataforma de Marketing Cloud, é possível gerenciar esses dados de forma mais organizada dentro de um software.

 

2- Gerencia diferentes canais de comunicação simultaneamente

“A função primordial do Marketing Cloud é melhorar o relacionamento com o cliente e oferecer experiências diferenciadas. Logo, ele vai fazer uso de e-mails, de redes sociais, de publicidade na internet, ferramentas de push para dispositivos móveis, SMS, aplicativos e, com isso, se trata esses canais, se busca entender quais são os canais preferenciais do cliente”, explica Pollyana. 

 

3- Reduz custos operacionais

Dado que a computação é em nuvem, reduz os gastos com energia elétrica, equipamento, tecnologia, atualização de parque tecnológico e amplia a questão de recurso sob demanda.

 

4- Aumenta a produtividade da equipe

“Melhora a produtividade dos profissionais, porque eles já têm tudo integrado numa plataforma só e isso traz maior clareza e agilidade para o desenvolvimento das campanhas que já podem ser traçadas ali mesmo dentro da aplicação”, destaca a professora. 

 

5- Melhora a experiência do cliente

Outro ponto importante é a alteração na jornada do cliente. Com o Marketing Cloud você vai ampliar a experiência do consumidor de maneira personalizada, assim como buscar uma melhoria de suporte prestado, que faz, muitas vezes, uso de IA neste processo.

 

O primeiro passo para implementar o Marketing Cloud

 

Antes de começar a implementação desta estratégia, é preciso entender como funciona a plataforma contratada. “É necessário verificar quais são as plataformas de Marketing Cloud disponíveis, entender quais são os tipos de serviços que estão incluídos e comparar isso com o tipo de operação que a empresa realiza”, explica a docente. “Outro detalhe importante é que tem a questão de escalabilidade. Porque as empresas precisam rapidamente aumentar sua capacidade de produção de equipe e o software que integra essas plataformas permite uma redução do trabalho e maior potencialização do trabalho, que deve ser feito porque a solução já está embutida na plataforma. Isso facilita e reduz a quantidade de pessoas necessárias”, complementa.

onlinedatacloud

Compartilhe isso: